Você está em: Assessoria Econômica > ABBC Destaca

Assessoria Econômica

ABBC Destaca

Termômetro do Crédito - Condições continuam melhorando

Apesar do impacto da depreciação do real nas modalidades referenciadas ao dólar em novembro, manteve-se a melhora na dinâmica para o mercado de crédito. Assim, a expansão do saldo dos empréstimos acelerou 0,8 p.p  no mês para 4,4% a.a.  Entretanto, o desempenho entre as instituições é assimétrico. As de controle privado (nacionais e internacionais) configuram alta de 11,7% a.a., enquanto que as públicas mantêm queda de 1,6% a.a. Vale assinalar que essa dinâmica é assegurada fundamentalmente pelo crescimento de 10,4% a.a. das operações com recursos livres (RL). Neste segmento, o crescimento do crédito para pessoas jurídicas (PJ) é semelhante ao das pessoas físicas (PF). Considerando-se os principais produtos para PF, a evolução é de 13,8% a.a. no cartão de crédito, de 13,2% a.a. para o financiamento para veículos, de 8,3% a.a. para o crédito consignado e de 4,6% a.a. do financiamento imobiliário. Para PJ, a variação da carteira com capital de giro é de -1,1% a.a. e dos empréstimos do BNDES é de 10,9% a.a. As condições mostram-se também favoráveis nas concessões.  No mês, o crescimento anual das concessões totais acumuladas em 12 meses acelerou-se em 0,5 p.p. para 11,3% a.a. (9,8% a.a. para PF e 13,2% a.a. para PJ). Como fator negativo para a demanda, houve aumento mensal de 0,2 p.p. no spread consideradas as concessões e de 0,1 p.p. quando se compara com as taxas das operações no balanço das instituições (ICC). Finalmente, no que tange à oferta, a inadimplência média apresentou queda de 0,6 p.p. em 12 meses (0,5 p.p. para PF e 0,7 p.p. para PJ), finalizando em 3,0%.
 
Para ler na íntegra, clique aqui.

Endereço:
Av. Paulista, 1.842 - 15º andar - conj. 156
Edifício Cetenco Plaza - Torre Norte Cerqueira César - CEP: 01310-923
São Paulo - SP
Telefone: (5511) 3288-1688
Fax: (5511) 3288-3390